Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘persistência’

A fórmula para obter sucesso não mudou muito: empreendimento é veia e conhecimento. Para uns, o crescimento sustentável de um negócio ainda está na veia empreendedora do self-made man dos comerciantes e capitães da indústria. Para outros, a prosperidade de uma empresa é consequência da quantidade de conhecimento nela investido.

O Brasil tem excelentes exemplos de uns e de outros. Entretanto, o que se deve obrigatoriamente perceber é que toda experiência de sucesso prosperou tanto pela veia quanto pelo conhecimento. A veia é na verdade um fluxo acelerado de geração de conhecimento. E conhecimento nada mais é do que a renovação permanente do que flui nessa veia. Ao primeiro caso se chama fazer muito e ao segundo fazer melhor.

Dos idos coloniais com seus mascates portugueses, os ricos negociantes de ferragens e de secos e molhados (aquele que tinha o comércio na veia), até os dias da moderna tecnologia sustentável do etanol carburante e do “plástico verde”, o polietileno derivado da cana-de-açúcar, que detêm certificação mundial, os casos de sucesso se repetem e são muitos.

Todos os empresários de sucesso têm empreendedorismo na veia e isso decorre das milhares de horas de fazer muito e das alternativas de aprender praticando como fazer melhor. Alguns empreendedores de sucesso ganham dinheiro pela veia, pelo exercício obstinado do seu negócio. Outros ganham dinheiro pela oportunidade que tiveram de acumular conhecimento em excelentes escolas nacionais e internacionais de tecnologia, de gestão ou de liderança.

Aos muitos que ainda não tiveram essas oportunidades de se exercitarem, pela veia ou pelo conhecimento, aqui vai uma fórmula ensinada por uma das maiores inteligências do planeta e um grande amigo, do qual não tenho autorização para nomeá-lo. É uma fórmula de apenas quatro regras…Leia mais e comente no blog do José de Moraes Falcão

vein

Anúncios

Read Full Post »

Os clientes sempre nos perguntam como é que a gente faz para tornar “real” a presença do Sebrae em alguma região. Isso acontece depois de várias negociações para identificar parcerias, potencial sócio-econômico-cultural da região entre a comunidade e a unidade do Sebrae mais próxima. Depois começa o trabalho de campo, junto ao grupo de empresários/setor identificado na região.

A rotina do técnico envolvido neste projeto envolve algumas “emoções ímpares” no mundo empreendedor do SEBRAE. Veja o que pode acontecer num dia de trabalho do técnico Kleber Eduardo Broseghini, gestor dos projetos: Cacau Orgânico e Cacau Tradicional na Região da Trasamazônica e Xingu.

 

transamazonica31

transamazonica21 

transamazonica1

Read Full Post »